menopausa

6 mitos e verdades sobre a menopausa

A chegada da menopausa é um dos mais importantes eventos no decorrer da vida de uma mulher. Apesar de ser algo inerente ao corpo feminino e uma ocorrência que acontece com todas as mulheres, essa fase é cercada de rumores que geram muitas dúvidas.

Quer esclarecer algumas questões sobre o assunto? Continue a leitura do post. Nos próximos tópicos, separamos alguns mitos e verdades sobre a menopausa. Auxiliando você a entender melhor como tudo acontece. Confira!

1) Reposição hormonal é perigosa

Mito. Para a maioria das mulheres, a reposição hormonal, em baixas doses e de uso temporário, não apresenta nenhum problema. Essa terapia pode ser usada para várias situações. Por exemplo: secura vaginal, falta de energia e controle das ondas de calor. Em alguns casos, pode até ajudar a diminuir o risco de doenças do coração e osteoporose.

Por outro lado, mulheres com histórico de derrame ou câncer devem evitar o tratamento.

2) A maioria das pessoas têm sintomas

Verdade. É importante ressaltar que a menopausa não é uma doença. Seus sintomas surgem em decorrência das alterações hormonais. Os mais recorrentes incluem:

  • ondas de calor;
  • suores noturnos;
  • dificuldade para dormir.

A intensidade também varia entre uma mulher e outra. Em muitos casos, aumentam os níveis de estresse e causam desconforto.

3) Há ganho de peso na menopausa

Mito. A menopausa pode até influenciar onde o peso ganho vai aparecer — no abdômen em vez dos seios, por exemplo —. Mas, o verdadeiro culpado pelos quilinhos extras é o envelhecimento.

O ganho de peso acontece porque, com o avançar da idade, há a perda de massa muscular, menos atividade física e até sono insuficiente.

Sendo assim, vale a pena ter uma rotina para se manter ativa. Além de cuidar da alimentação, uma recomendação interessante é fazer exercícios físicos que ajudem a manter a massa muscular — sempre com orientação profissional.

4) Menopausa prejudica o sexo

Mito. Como existe uma alteração hormonal, a libido e a própria vagina podem ser afetadas. Porém, isso não é algo que acontece com todas as mulheres. Por isso, no caso de qualquer problema com o sexo, vale a pena conversar com o médico.

Em alguns casos, coisas simples como cremes específicos e lubrificantes podem ser muito úteis para devolver a satisfação e prazer nas relações.

5) A menopausa não é repentina

Verdade. Para a extensa maioria das mulheres, a menopausa consiste em um processo e não em um ponto divisor no tempo.

Entre os 30 e 40 anos a quantidade de progesterona e estrogênio começam a diminuir, e a perimenopausa tem início. As menstruações também podem começar a ser menos frequentes até pararem por completo.

Geralmente, a menopausa ocorre entre os 40 e 58 anos de idade. Existem algumas condições médicas que podem fazer com que a menopausa comece mais cedo, como quimioterapia e cirurgias nos ovários.

6) Menstruação cedo significa menopausa cedo

Mito. Pode até fazer sentido, mas isso é falso. Não existe nenhuma quantidade de períodos definidos pelos quais a mulher tenha que passar até que chegue à menopausa. Ou seja, mesmo que ela tenha começado a menstruar aos 11 anos, a menopausa tende a surgir por volta dos 50 anos, como a média das mulheres.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como endocrinologista em São Paulo!

Comentários

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp